Qual o seu diferencial? (parte 2/3)

Qual o seu diferencial? (parte 2/3)

Tempo de leitura: 1 minuto

Faremos uma nova sequência com 03 postagens sobre o seu diferencial competitivo.

Hoje falaremos de um exemplo, de como criar um diferencial, mesmo em situações adversas

Nós ajudamos meu cunhado, Beto, a salvar seu estacionamento de carros, que fica no centro da cidade de Santos.

O Beto sofria com uma concorrência desleal, de terrenos irregulares, que viraram estacionamentos informais, principalmente em horários de eventos, casamentos, que acontecem na região do seu estacionamento.

Esses terrenos cobravam R$10,00 a noite toda, enquanto ele cobrava R$20,00.

Os terrenos não tinham CNPJ, nem funcionários e nem nada.

Como competir em uma situação tão desleal?

A solução para competir com uma informalidade tão injusta, é a formalidade dar garantias extras na sua prestação de serviço.

A maioria dos clientes se dispõe a pagar mais, quando a segurança é maior.

Sugerimos que o Beto fizesse uma apólice de seguros, que garantisse ao seu cliente, em caso de roubo, a indenização do valor do veículo.

Fez uma bela faixa, dizendo estacionamento a R$20,00 com seguro.

Pronto! O seu diferencial estava criado e a concorrência desleal não tinha como dar as mesmas garantias.

Resultado disso? Primeiro o estacionamento do Beto enche e depois os terrenos conseguem vender.

Esse é um exemplo, que através de um diferencial competitivo, o seu negócio pode cobrar mais , ser mais lucrativo e ainda se diferenciar da concorrência.

Gostou do conteúdo?

Você pode se aprofundar mais na gestão do seu negócio, fazendo o curso 

Gestão financeira e negócios p/ Autônomos, MEI e ME
é gratuito! se inscreve aqui

Avalie este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *